Dia Nacional do Pedagogo é comemorado em 20 de maio

17 de maio de 2023

Por: SOMOS Educação

Compartilhe:

20 de maio é o Dia Nacional do Pedagogo. A data, celebrada anualmente, reconhece e valoriza o trabalho desses profissionais sempre comprometidos com o futuro da educação.  

Instituída no Brasil por meio de uma Lei, a celebração ganhou destaque no calendário escolar, convidando a uma reflexão sobre o aprimoramento e a qualidade dos processos de aprendizagem. Neste artigo, você vai conhecer a origem do Dia do Pedagogo e um pouco mais sobre a função desse profissional tão indispensável no âmbito escolar. 

A origem do Dia do Pedagogo 

Instituída no Brasil pela Lei nº 13.083, de 8 de janeiro de 2015, o Dia do Pedagogo reconhece a atuação desses profissionais indispensáveis para as práticas de ensino. A data, uma justa homenagem a esses especialistas em educação, coloca em foco o exercício e a dedicação desses profissionais cuja atuação perpassa paradigmas sociais

Entendendo a Pedagogia como a ciência que estuda o processo de ensino e aprendizagem, a área se dedica aos processos educacionais e às boas práticas para construção do conhecimento. Sempre atentos às necessidades da sociedade moderna, esses agentes têm atuação de liderança. São eles, muitas vezes, os responsáveis pela ruptura com velhos paradigmas educacionais, reafirmando diariamente o compromisso com o objetivo de qualificar o aprendizado

A atuação do Pedagogo 

Uma das atividades mais tradicionais do pedagogo, claro, está vinculada à sala de aula. Responsáveis por planejar, coordenar e refletir sobre os processos educativos, pedagogos e pedagogas executam tarefas distintas e, muitas vezes, complexas, sempre em busca do aprimoramento e da excelência das práticas de ensino. 

Para desempenhar sua função, esses profissionais podem ocupar cargos diversos no ambiente escolar, como coordenação pedagógica ou educacional, supervisão ou qualquer outra função de gestão. Há sempre vinculada ao trabalho do Pedagogo uma multiplicidade de papéis que podem ser desempenhados.  

Para além do âmbito escolar, é comum que profissionais da Pedagogia também atuem em diferentes frentes do processo de aprendizagem. Seja com gestão, orientação, consultoria ou treinamentos, por exemplo, esses profissionais também estão à frente de práticas educativas em diferentes organizações, como empresas, hospitais, ONGs e outras instituições. 

A função do Pedagogo no ambiente escolar 

Como citado anteriormente, pedagogos possuem formação que permite a atuação em diferentes frentes do processo de aprendizagem nas instituições de ensino ou outros contextos. Dentro das escolas, eles são responsáveis por articular o processo pedagógico e ainda podem lecionar disciplinas em determinados segmentos.  

Sabendo que o papel do pedagogo escolar tem evoluído desde sua origem e vem se transformando com o decorrer do tempo, reforça-se aqui a importância da formação continuada. Contudo, vale destacar que algumas atuações são mais comuns entre o ofício. Relacionamos algumas delas a seguir: 

Em sala de aula 

A formação em Pedagogia assegura aos profissionais a possibilidade de atuar como professor na Educação Infantil e nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental. Além disso, pedagogos e pedagogas podem ministrar aulas nas séries de EJA — Educação de Jovens e Adultos. 

Habilitados para trabalhar com alfabetização, esses profissionais se comprometem com as ações didáticas que tornam efetivas as aprendizagens necessárias e tão fundamentais para todas as outras etapas da trajetória escolar.  

Na gestão escolar

Para além da sala de aula, quem se forma no curso de Pedagogia também pode atuar nas funções de supervisão, coordenação ou direção escolar. Os cargos de liderança educacional demandam a articulação e o acompanhamento de todas as ações pedagógicas da escola, sempre pautando-se no princípio da gestão democrática. 

Nessa função, as atividades diárias desse profissional estão diretamente relacionadas ao conhecimento sobre o funcionamento escolar e, principalmente, à habilidade para gerir pessoas. Nesse cenário, atuar a partir do modelo de liderança inspiracional pode ser extremamente positivo para capacitar e desenvolver competências em seus pares.  

Na orientação educacional 

A orientação educacional é uma das opções para quem passou pelo curso de Pedagogia. Nesse segmento, pedagogos e pedagogas são encarregados por auxiliar o desenvolvimento dos alunos e professores. 

No que diz respeito aos alunos, sua atuação pode voltar-se tanto para o auxílio no processo de aprendizagem e desempenho escolar quanto para o desenvolvimento pessoal dos estudantes. Além disso, por meio da orientação educacional, esses profissionais podem contribuir com o direcionamento das realizações individuais e também vocacional, orientando os estudantes em suas escolhas profissionais. 

Já o papel de orientação educacional voltado para os professores e toda a equipe de funcionários da escola permite ao pedagogo auxiliar seus pares quanto a organização das aulas, revisão de métodos de ensino e novas ferramentas para ajudar no processo educativo, por exemplo. 

Outras comemorações que envolvem a educação 

O Dia do Pedagogo é uma data muito significativa para o calendário escolar. A data tem o poder de reconhecer e dar visibilidade a um importante trabalho realizado diariamente dentro das instituições de ensino.  

Mas, além do Dia Nacional do Pedagogo, outras celebrações que envolvem a educação também merecem espaço na rotina escolar, seja para reconhecer profissionais e ofícios, seja para fomentar reflexões sobre a melhoria e renovação do processo educacional. Confira algumas delas: 


Pedagogia e Educação inclusiva  

Outra vertente importante do pedagogo é sua atuação na Educação Inclusiva. É por meio de um cuidadoso trabalho que pedagogos e pedagogas se atentam à diversidade humana e asseguram a promoção de uma educação de alta qualidade para todos, sem exceção.  

Os profissionais que optam por atuar diretamente nessa área são responsáveis por aplicar ações pedagógicas variadas que asseguram práticas efetivamente inclusivas nas instituições de ensino do país. Nestes casos, o pedagogo utiliza técnicas diferenciadas de ensino, procurando adequar os métodos e estimular interações harmônicas para o aprendizado destas crianças. 

Mas, além do empenho desses profissionais, promover um sistema de educação inclusivo requer ações coordenadas e colaborativas. Essa é uma responsabilidade de toda a comunidade escolar. Para aprofundar um pouco mais sobre o cenário da educação inclusiva, preparamos um e-book completo para apresentar a perspectiva da inclusão nos principais marcos regulatórios da educação do país. 

No material, você também vai saber mais sobre tecnologia assistiva, soluções e recursos digitais que podem ser muito úteis para a inclusão nas escolas. Baixe gratuitamente o e-book Raio-X da educação inclusiva no Brasil:

Compartilhar: